Informação sobre a Dieta da sopa implementada com o objectivo de perder peso. Diversas receitas para a dieta da sopa, como a sopa de repolho, principal alimentação que faz parte da tão conhecida dieta da sopa. Muitas dicas acerca das calorias dos alimentos e dos gastos calóricos dos exercicios fisicos.

O que importa saber sobre a dieta da sopa

A dieta da sopa tem poder de desintoxicação, sendo uma dieta muito popular. A dieta da sopa é implementada por quem pretende emagrecer e perder peso de forma rápida e fácil, já que esta promete a perda de 5 a 9 kg por semana.
No essencial esta dieta permite uma diminuição de sensação de fome, ajudando no controle da temperatura corporal. A sopa que serve de base à dieta é feita com base em verduras e legumes, que são ricos em fibras, para além de sais minerais e vitaminas. Esta sopa deve ser consumida de modo obrigatório durante 7 dias e a quantidade ingerida pode variar em função do modo de adaptação de cada pessoa. Esta é uma dieta hipocalórica com pequenas quantidades de macronutrientes, gorduras, proteínas e carboidratos. Os micronutrientes associados à dieta da sopa são alguns minerais e vitaminas e fibras. Nesta dieta o cálcio consumido é inferior ao recomendado, já que nesta dieta apenas se pode consumir leite em um, dos 7 dias da dieta. O cálcio é fundamental para o nosso organismo e deve ser consumido diariamente, já que o organismo não consegue armazená-lo por mais tempo. O ferro é outro mineral que escasseia com esta dieta, já que este existe em quantidade nas carnes vermelhas, e no caso da dieta da sopa esta só é consumida em dois dias do período de duração da dieta. Embora o cálcio e o ferro possam ser fornecidos através dos vegetais de cor verde escura, o organismo não os absorve da mesma maneira que absorve diretamente dos leites e derivados e da carne vermelha. A dieta da sopa pode ainda provocar alterações importantes no organismo, devido ao escasso consumo de proteínas com alto valor biológico presente no peixe, frango e carnes vermelhas, e que deveriam fornecer os aminoácidos que se tornam fundamentais em diversas funções do nosso organismo. Muitas vezes a dieta da sopa motiva fraqueza, dores de cabeça, indisposição e mau humor provocadas pelo baixo teor de carboidratos já que estes normalmente fornecem a energia que permite a realização das actividades de cada individuo. É somente a glicose adquirida nos carboidratos que o cérebro usa como fonte de energia. Em resultado da baixa oferta energética conseguida através da dieta da sopa, esta provoca efetivamente uma perda de peso rápida, mas após a sua conclusão deve implementar-se uma mudança de hábitos alimentares, de modo a que não volte a recuperar rapidamente o peso que perdeu. O facto de a dieta da sopa ter pouca variação em termos de alimentos utilizados pode torná-la de difícil implementação para algumas pessoas. Esta dieta apenas deve ser utilizada de modo muito pontual já que não se trata de uma dieta equilibrada. Após a realização de uma dieta deste tipo deve-se sempre alterar hábitos alimentares de modo a que não volte a ocorrer aumento de peso. A melhor forma de emagrecer será sempre aquela que tem como base uma alimentação saudável e equilibrada associada a actividade física e que proporcione uma perda de peso lenta, mas eficaz.

Saiba como funciona a dieta da sopa.
Conheça a receita da dieta da sopa.
conheça as vantagens e desvantagens da dieta da sopa.
Conheça a receita original da dieta da sopa.
Conheça ainda uma variante da dieta da sopa.


Sabe quais as dietas mais populares? Conheça-as:
Índice dos artigos relativos à Dieta da Sopa
POSTAGENS POPULARES

ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL